Aviação de combate da Rússia na Síria continua a destruir posições do HTS em Idlib

Imagem ilustrativa, via Russian Federation MoD.

Nesse sábado, dia 28 de agosto, aviões de combate das Forças Aeroespaciais Russas operando na Síria realizaram pelo menos oito ataques aéreos contra posições de militantes na região de Grande Idlib, no noroeste da Síria.

Os ataques aéreos da aviação de combate russa tiveram como alvo os arredores das cidades de al-Bara, Almaouzrah e Ain La Rose. Todas as três cidades fazem parte do Monte al-Zawiya, na zona rural do sul de Idlib. A área montanhosa está infestada de posições de Hay’at Tahrir al-Sham (HTS), afiliado à Al-Qaeda, o governante de fato da Grande Idlib, e militantes apoiados pela Turquia.

Durante os ataques aéreos, drones e aviões de reconhecimento russos, sírios e iranianos foram vistos voando sobre a Grande Idlib e chegou a ser difícil para observadores inesperientes reconhecer cada aeronave e seus operadores sobre o teatro de operações.

Os aviões de combate das Forças Aeroespaciais Russas vêm atacando posições de militantes na Grande Idlib há nove dias. Um dia antes, dois mísseis terra-ar foram lançados contra os aviões russos em tentativa de abatê-los, supostamente pelas forças turcas ou seus proxyes operando no terreno.

Enquanto mais ataques aéreos russos provavelmente atingirão a Grande Idlib nos próximos dias, as chances de o Exército Árabe Sírio lançar uma operação terrestre na região são iminentes.

Qualquer operação terrestre na Grande Idlib certamente levará a um confronto militar com as forças turcas, que mantêm uma grande presença na região. Os recentes ataques aéreos russos na região foram provavelmente realizados para reforçar o acordo de cessar-fogo de 2020 e punir o HTS e seus aliados por seus repetidos ataques.

  • Com informações SANA Syria, France 3, Syrian Observatory for Human Rights Watch e TASS via redação Orbis Defense Europe/Genebra.





Be the first to comment on "Aviação de combate da Rússia na Síria continua a destruir posições do HTS em Idlib"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*