Caças russos interceptam B-52H próximo da fronteira pela 2a vez em julho

Imagem ilustrativa.

Nas primeiras horas desse dia 15 de julho, caças da Força Aeroespacial Russa, sendo um MiG-31 e alguns Su-35 foram acionados para interceptar bombardeiros estratégicos dos Estados Unidos efetuando navegação tática sobre o Mar de Bering (fronteira EUA/Alaska – Extremo leste da Russia), conforme informou o MoD da Rússia para a agência TASS com exclusividade.

De acordo com o MoD da Rússia, os caças MiG-31 e Su-35 foram acionados para identificar os alvos e evitar uma violação da fronteira do estado russo. Ainda não foram divulgadas imagens da interceptação por ambos os lados (USAF e Russian MoD).

Depois que os bombardeiros dos EUA deram meia-volta em seu curso mantido até então, os caças russos voltaram  para suas bases de origem, que não foram especificadas pelo MoD da Rússia. O espaço aéreo da Rússia não foi violado.

Apenas dois dias antes, um caça russo Su-30 escoltou um avião de reconhecimento americano sobre o Mar Negro. 10 dias antes, em 03 de julho, dois Su-27 caças da Força Aeroespacial Russa interceptaram um B-52H no mar Báltico.

As informações foram divulgadas pela agência russa TASS mesmo antes dos meios oficiais do MoD da Rússia e confirmadas por observadores independentes que monitoram comunicações e o tráfego aéreo na Europa ocidental.

Fonte: https://tass.com/defense/1314139

Imagens divulgadas pelo MoD da Rússia também mostram uma aeronave RC-135 Rivet Joint de reconhecimento sendo interceptada sobre o Mar Negro ontem dia 14 de julho.

De acordo com o relatório declarado do MoD da Russia fornecida para a Agência TASS (ainda não divulgada publicamente):

“Em 15 de julho de 2021, os sistemas de controle do espaço aéreo russos detectaram três alvos aéreos no Mar de Bering se aproximando da fronteira do estado da Rússia”, disse o centro.

“As tripulações dos caças russos identificaram os alvos aéreos como bombardeiros estratégicos B-52H Stratofortress da Força Aérea dos EUA e os escoltaram pelo Mar de Bering”.

“Para classificar um alvo aéreo e evitar a violação da fronteira estadual da Federação Russa, um caça Su-30 das forças de defesa aérea do Distrito Militar do Sul foi levado ao ar”, diz a mensagem.

“Depois que o avião militar estrangeiro se afastou da fronteira estadual da Federação Russa, o caça russo voltou em segurança para sua base. O voo do caça russo foi realizado em estrita conformidade com as regras internacionais de uso do espaço aéreo ”.

  • Com informações TASS, Italmilradar, France Inter, Russian Federation MoD e STF Analysis & Itelligence via redação Orbis Defense Europe.



blank

Be the first to comment on "Caças russos interceptam B-52H próximo da fronteira pela 2a vez em julho"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*