Marinha do Brasil realiza cerimônia da construção de Navio de assistência hospitalar em Manaus (AM)

Batizado de “Anna Nery”, o Navio será empregado no atendimento e na prestação de serviços médico-hospitalares para população ribeirinha nos estados do Pará e Amapá

A Marinha do Brasil (MB), por meio do Comando do 4º Distrito Naval (Com4ºDN), realiza, no dia 22 de outubro, a Cerimônia de Batimento de Quilha do futuro Navio de Assistência Hospitalar (NAsH), batizado de “Anna Nery”, que será empregado no atendimento e prestação de serviços médico-hospitalares nos Estados do Pará e Amapá, que compõem a Amazônia Oriental. O NasH é construído no Estaleiro Bibi, em Manaus (AM), onde ocorrerá o evento, que é uma tradição naval celebrada para simbolizar o início da construção de um navio.

A expectativa é de que a construção do NAsH traga benefícios econômicos para o Amazonas, criando novas oportunidades de emprego de forma direta e/ou indiretamente e, assim, contribuir para aumentar o poder aquisitivo das famílias amazonenses.

Quando o NAsH for entregue, com previsão para o 2º semestre de 2022, ele vai beneficiar comunidades ribeirinhas que vivem em áreas carentes e, na sua grande maioria, isoladas da assistência regular de saúde e saneamento básico, principalmente do Arquipélago do Marajó (PA) e arredores. Serão ofertados atendimentos médicos, odontológicos e exames laboratoriais e de imagens, realizados por militares da área da saúde.

Em proveito das ações, ainda serão estabelecidas parcerias com órgãos públicos para levar serviços que contribuam para promoção da cidadania, como Tribunal de Justiça, INSS, Defensoria Pública etc. Além disso, a aquisição proporcionará a ampliação da presença da Marinha do Brasil na Região Norte do País, onde também atua como componente assistencial em benefício da população ribeirinha.

NAsH “Anna Nery”

O novo Navio de Assistência Hospitalar foi batizado de “Anna Nery” em homenagem à enfermeira que se voluntariou para participar da Guerra do Paraguai, a fim de prestar apoio nos hospitais que atendiam os combatentes feridos. Anna Nery teve diversos familiares militares envolvidos diretamente nas batalhas, inclusive um de seu filhos faleceu nos confrontos. Em reconhecimento pelos serviços prestados, o governo imperial concedeu-lhe a Medalha Geral de Campanha e a Medalha Humanitária de primeira classe, no pós-Guerra.

O NAsH “Anna Nery” (U-170) terá 46,5 metros de comprimento, 9,4 metros de boca e 2,4 metros de calado. A estrutura irá contemplar: salas de triagem, curativos, recuperação, medicação, de coleta de amostras, de raio-x, de digitalização de imagens, vacinação, ultrassonografia, mamografia e de esterilização; consultórios médicos, oftalmológico e odontológico; enfermarias; e farmácia/paiol de remédios, além de laboratório de análise e sala cirúrgica para casos mais simples.

Parceria entre MB, Fundo Nacional de Saúde e Estaleiro Bibi

O Com4ºDN realizou, em dezembro de 2020, a assinatura de dois Termos de Execução Descentralizada (TED) com o Fundo Nacional de Saúde (FNS), visando a aquisição de navio de assistência hospitalar e a compra de equipamentos médicos e ambulatoriais no valor de cerca de 14,5 milhões de reais. Na ocasião, também ocorreu a assinatura do contrato com o Estaleiro Bibi, empresa vencedora da licitação para construção do navio.

Serviço:

Local: Estaleiro Bibi – Estr. do Paredão, nº 1213, Colônia Oliveira Machado, Manaus (AM)

Data: 22 de outubro de 2021

Horário: 9h

Cerimônia de Batimento de Quilha Nash Anna Nery

Fonte: Marinha do Brasil/Assessoria de Comunicação Social do Comando do 9º Distrito Naval



blank

Be the first to comment on "Marinha do Brasil realiza cerimônia da construção de Navio de assistência hospitalar em Manaus (AM)"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*