Situação atualizada da Guerra na Síria em 24 de novembro de 2019

Imagem de autor desconhecido, via SANA Syria.

No início de 24 de novembro, o Exército Árabe da Síria (SAA) retomou sua operação terrestre em grande amplitude no sudeste de Idlib, lançando um grande ataque à cidade de Misherfah.

As unidades do exército invadiram a cidade em poucas horas e conseguiram protegê-la totalmente após fortes confrontos com Hay’at Tahrir al-Sham (HTS), afiliado à Al Qaeda, e a Frente Nacional de Libertação (NFL), apoiada pela Turquia.

O HTS e a NFL lançaram um contra-ataque coordenado para recuperar a cidade. No entanto, a tentativa falhou, com os dois grupos sofrendo mais perdas.

Imagem via STF.

Vários militantes do HTS e da NFL teriam sido mortos ou feridos enquanto tentavam manter suas posições em Misherfah.

No início desta semana, o SAA invadiu a cidade. No entanto, um contra-ataque do HTS e da NFL forçou as unidades do exército a se retirarem dentro de algumas horas.

O Exército Árabe da Síria – SAA poderá avançar ainda mais no sudeste de Idlib nas próximas horas. Aviões de guerra russos e sírios já estão realizando ataques aéreos desde a manhã desse domingo em várias cidades da região, totalizando mais de 70 raids até agora.

blank

Uma breve visão geral dos desenvolvimentos recentes na Síria:

– Aviões de guerra russos destruíram um quartel-general de Jaysh al-Izza, perto de Kafr Nabl, no sul de Idlib ;

– O Exército Sírio atacou posições de Hayat Tahrir al-Sham, perto de Rakaya Sijneh e do topo da colina al-Nar, com mísseis e artilharia guiados por tanques ;

– As forças lideradas pela Turquia tentaram avançar em posições do SDF e do Exército Sírio ao norte de Ain Issa. O ataque foi repelido ;

– As obras de uma suposta base militar iraniana na fronteira entre Síria e Iraque ainda estão em andamento apesar dos ataques israelenses ;

– O CENTCOM informou que cerca de 500 militares dos EUA estão baseados a leste do rio Eufrates, a leste de Deir Ezzor até al-Hasakah em novas posições e bases ;

– Nove pessoas foram mortas e outras 22 ficaram feridas em 23 de novembro, quando uma explosão de um atentado atingiu a cidade turca de Tell Abyad .

– Vários militantes rebeldes foram mortos em ataques aéreos russos perto de Hizareen, Kafr Nabl, Farja, Rakaya Sijneh, Ma’aret Hurmah, al-Naqeer e Fatterah ;

– Os militares turcos estabeleceram postos avançados ao norte da rodovia M4, entre Tell Tamr e Ain Issa ;

– O Exército Árabe da Síria (AEA) realizou um ataque com mísseis em larga escala às posições dos militantes no oeste de Aleppo ;

– Pelo menos um civil foi morto e outro foi ferido na operação de “antiterrorismo” dos EUA-SDF em Dhiban ;

– Pelo menos 2 soldados do Exército Sírio foram mortos em confrontos com militantes perto dos suburbios de Aleppo, al-Rashdeen e al-Buhuth al-Almiyah ;

– O exército sírio reforçou suas posições perto de Tell Tamr ;

– Pelo menos sete civis foram mortos e outros 30 ficaram feridos em uma série de ataques de morteiros na cidade de Aleppo .

  • Com informações STF Analysis & Intelligence, AFP, Reuters e SANA Syria via redação Orbis Defense Europe.


blank

Be the first to comment on "Situação atualizada da Guerra na Síria em 24 de novembro de 2019"

Leave a comment

Your email address will not be published.


*